sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Instalar servidor VNC no Linux

VNC é um recurso que possibilita acesso gráfico remoto a estações Linux e de outros sistema operacionais, para manutenção ou qualquer finalidade que se tenha em mente. O servidor VNC que usaremos é o vino, nativo para gnome. 

Vou explicar como proceder no gnome, lxde ou xfce. Vamos configurá-lo "na mão", assim você não passará aperto em uma distro que não tenha familiaridade. Não testei no KDE, nem no Gnome 3 e Unity. Isto ficará por sua conta. ;-)

O servidor permite ao computador ser visto por outro, mas não vê-lo. A emnos que no outro haja um servidor instalado. A viasualização remota-se dá-se sempre no sentido cliente -> servidor e nunca o contrário.


O primeiro passo é instalá-lo segundo o procedimento padrão para seu linux. Nas baseadas no Ubuntu e Debian, faça:

ubuntu
$ sudo apt-get install vino

debian
$ su + senha de root + [enter]
# apt-get install vino

O vino instala dois binários, vino-preferences e vino-passwd, e um arquivo que permite habilitar o serviço automaticamente após o login, o vino-server.desktop. Com eles é que vamos trabalhar.

Abra um terminal e chame o aplicativo vino-preferences:

$ vino-preferences





Após escanear a rede, basta configurar as opções segundo a janela do vino. As instruções são claras e de fácil implementação.

Chamamos a atenção para o item "Área de nofiticação -> sempre exibir um ícone", que justamente acrescenta-o na barra de notificação do gnome, lxde ou xfce, por onde acessa-se as mesmas opções mostradas acima:



Quando um cliente VNC tenta uma conexão, o servidor dispara o alerta abaixo, podendo-se aceitá-la ou não:



Nesta dica explicamos como instalar o servidor VNC numa distro Linux. Na próxima explicaremos como instalar o cliente VNC para visualização remota de desktops.

Até lá!
;-))

Nenhum comentário:

Postar um comentário