domingo, 21 de agosto de 2011

Adicionando UUID nas partições do fstab

UUID é um identificador único que pode ser adicionado no seu arquivo /etc/fstab, associando um determinado número a uma partição linux de seu disco rídigo.

Um exemplo? Você acrescentou um HD novo no seu pc e ele foi reconhecido como sdb. Fez uma partição sdb1 e a formatou para becape. Imagine que troque este mesmo HD de slot e passe a ser reconhecido como sdc e a partição, sdc1.

Um outro exemplo fácil seria configurar pendrives no mesmo arquivo pela ordem de montagem. O primeiro seria sdb; o segundo, sdc; o terceiro, sdd e assim sucessivamente.

Associando um identificador UUID, não importa a ordem em que você conecta o dispositivo. Sempre será reconhecido com aquele número desde que não seja formatado. Cada vez que o fizer, altera-se o mesmo.

O utilitário que gera o UUID chama-se blkid e faz parte do pacote util-linux, padrão em todas as distros linux. Deve ser usado como root.

Para gerar as UUID's das partições, abra um terminal e rode o comando:

ubuntu
$ sudo blkid

debian/outras
$ su + [senha de root]
# blkid

Imaginemos o resultado abaixo:

xxx@laptop:~$ blkid
/dev/sda1: UUID="4b6b918e-2917-42f3-8581-6fa2b0f3f317" TYPE="swap"
/dev/sda2: UUID="af61dc94-7509-4075-a722-41bfabb1eef3" TYPE="ext4"
/dev/sda5: UUID="ae55da9f-e03c-445d-9d4b-f070aa5aff78" TYPE="ext4"


Agora é só fazer a substituição segundo a relação dada no exemplo acima:


antes
/dev/sda1   /   ext4   defaults   0   0


depois
UUID=4b6b918e-2917-42f3-8581-6fa2b0f3f317   /   ext4   defaults   0   0


Apenas a partição deve ser substituída pelo UUID (em vermelho). O restante permanece inalterado, pois se modificá-lo e não souber o que está fazendo, vai ter problemas depois. Você foi avisado! Salve as alterações e reinicie seu linux.

Até a próxima dica.
;-))

Nenhum comentário:

Postar um comentário